quarta-feira, 1 de julho de 2009

Jour.

Impossível não citar a partida sem aviso do inigualável Michael Jackson.
Quando eu cheguei do trabalho e a tv anunciou o infarto eu já fiquei meio sem voz..
POr que a Globo não havia confirmado, os horários diferentes dos dois países nos deixaram meio sem saber o que estava acontecendo.
Mas quando minha amiga desesperada me ligou gritando: MICHAEL MORREU!
Eu já fiquei triste. Gente, com todas suas bizarrices e coisas estranhas.. Não podemos negar.. que a música nada é estranha ou bizarra.. é na verdade fantástica. O cara revolucionou a dança, o ritmo, a voz e as letras.
É algo.. totalmente dançante... cativante.. e com certeza contagiante.
Obviamente tinha todas as músicas dele, mas não ouvia mais com tanta frequência como antes.. Mas com essa partida repentina eu passei a botar mais o Michael na vitrola..
Mais bizarro do que o próprio Michael são as notícias e falações a seu respeito..
Deixem o cara descansar em paz.. a música fica.. e a gente dança.
De que adianta agora, levantar questões de sua vida.. ele não está mais aqui..
Ou será que ele não morreu?

=] Fica a dica. Besos.



3 comentários:

Fabrício Silva disse...

Com certeza Amelie. O Michel irá deixar saudades! Não só com as músicas fantásticas, como você mencionou, mas também pelas inúmeras coliografias de dança lançadas pelo cara. E pensar que tudo começou com a febre nos anos 80!!

A garota do copo d'gua disse...

bom gosto! parabens pelo blog!
amelie é tudo ne?!
é uma filosofia de vida pra mim... e pra vc?
=*

Jun Weik disse...

É estranho pensar que ele já morreu... Digo já. Por que foi muito logo. Ele deveria ter vivido mais. Comecei a gostar de sua depois que me interessei em conhecê-lo melhor, mas isso foi só depois que ele já havia partido. Todo seu trabalho, de Jackson Five aos dias atuais, serve somente para mostrar sua versatilidade e dedicação aos seus espetáculos. Mas ele não era só um grande artista; ele também era uma boa pessoa; qualidade não tão comum hoje em dia; suas letras são incríveis...
Saudades...